Drag Racing 1/4 Mile times 0-60 Dyno Fast Cars Muscle Cars

VW do Brasil (curiosidades)

Curiosidades na produção de veiculos VW


 


More Videos...


HISTORIA DA INDUSTRIA AUTOMOBILISTICA WILLYS
Neste filme feito por Jean Manzon ele mostra a linha de produção da Willys antes dela ser comprada pela Ford em 1967. Neste filme eles citam o projeto M que mais tarde se tornaria o Ford corcel, ele aparece coberto por uma capa mas pelas rodas ja da pra saber que é um corcel !





Flavio Gomes mostra o SP2, carro mais belo da Volkswagen
Flavio "Indiana" Gomes mostra o SP2, carro fabricado no Brasil e considerado o Volkswagen mais bonito de todos os tempos. O modelo foi encomendado para concorrer com o Puma, que começava a incomodar no mercado de esportivos. Primeiramente batizado de Projeto X, o carro mudou de nome em homenagem à cidade de São Paulo. Além das belas linhas externas, o SP2 tem itens de acabamento que marcaram época e eram muito diferentes dos outros modelos da fabricante alemã. http://espnbrasil.terra.com.br/limite/video/141229_VIDEO+INDIANA+GOMES+MOST RA+O+SP2+CARRO+MAIS+BELO+DA+VOLKSWAGEN





Fábrica VW Taubaté - Nova Pintura
A Volkswagen do Brasil inaugurou a Nova Pintura da fábrica de Taubaté, em cerimônia que teve a presença do presidente do Grupo Volkswagen, Prof. Dr. Martin Winterkorn, do presidente da Volkswagen do Brasil, Thomas Schmall, e de outros 100 executivos e colaboradores. A Pintura da fábrica em Taubaté estabelece novos padrões de tecnologia e de proteção ambiental e torna-se referência na indústria automobilística brasileira. Dispõe da mais alta tecnologia mundial, com equipamentos e processos inovadores a favor da proteção ambiental em todas as suas etapas. Usando a plena capacidade das instalações da fábrica, que produz os novos Gol e Voyage, a Nova Pintura vai ampliar a capacidade produtiva de cerca de 1.000 para 1.300 veículos por dia.





▶ A evolução da Rural Willys
A evolução da Rural Willys no Brasil, de 1956 à 1977. Comentem... A Rural Willys é um utilitário que foi produzido pela Willys Overland nas décadas de 1950, 1960 e 1970 no Brasil. Na década de 1970, passou a ser produzida pela Ford do Brasil, que comprou a fábrica da Willys em 1967, mantendo inalterados o nome Rural e praticamente todas as características do veículo. Foi lançado nos Estados Unidos em 1946 com o nome de Jeep Station Wagon, tendo sido o primeiro veículo do tipo com a carroceria toda em metal, em contrapartida às carrocerias de madeira, então comuns. Com pequenas diferenças, foi produzido também em outros países como o Japão, onde foi fabricado pela Mitsubishi, com o nome J37 e a Argentina, onde foi fabricado pela Kaiser e é conhecido como Estanciera. O modelo brasileiro foi redesenhado em 1958 utilizando como inspiração a arquitetura moderna de Brasília, em construção na época. Este desenho acompanhou a Rural até o encerramento de sua produção em 1977. No Brasil foram produzidas versões com tração 4X4 e 4X2, com motores a gasolina de seis cilindros em linha e cilindrada de 2.6 ou 3.0 litros (opcional). O motor de 2.6 litros, ou 161 polegadas cúbicas, foi o primeiro motor a gasolina fabricado no Brasil e também equipava outros veículos da fábrica Willys, como o Jeep e o Aero. O motor 3.0, utilizando o mesmo bloco, equipava o Itamaraty. A partir do segundo semestre de 1975, até o final da produção, em 1977, a Rural foi fabricada com motor Ford, denominado OHC, de quatro cilindros e 2.3 litros de cilindrada. Em todas as versões, tinha potência aproximada de 90 hp (cavalos-vapor), adequada à época e características do veículo. A Rural Willys pode ser considerada "pai" dos atuais utilitários esportivos existentes, pois era um um veículo com espaço para a família, mas robusto e com vocações off-road Em 1961 entrou em linha a versão picape da Rural, chamada de Pick-Up Willys ou Pick up Jeep e, posteriormente, F-75. A versão militar, amplamente utilizada pelas Forças Armadas do Brasil, denominava-se F-85. Na Argentina, este modelo foi conhecido como Baqueano. Tal como o Jeep, a F-75 manteve-se em produção pela Ford do Brasil até 1981.





o carro mais feio do mundo
meu pai sofrendo com seu caminhão velho... o pior é que ele gosta muito do caminhão mas o caminhão não gosta dele pq vive estragando. me ajudem a levar ele pro LATA VELHA !!!





Sonhos Abandonados
Carros abandonados nas ruas do Brasil.





A História Automobilística Brasileira 03
1959 brasil terceira potência da indústria automobilistica





Carros do Museu do automovel de Caçapava são recuperados - JANEIRO 2011
EM JANEIRO DE 2011, DEPOIS DE OFICIALIZADO A DOAÇÃO POR PARTE DA FAMÍLA MATARAZZO DOS CARROS QUE RESTARAM DO ANTIGO MUSEU DE ROBERTO LEE, A PREFEITURA DE CAÇAPAVA, INICIOU O PROCESSO DE "SALVAÇÃO" DOS CARROS ALÍ OUTRORA ABANDONADOS, AGORA É ESPERARMOS PARA A RESTAURAÇÃO DOS ITENS PARA EM BREVE VOLTAREM A SER EXPOSTOS.. PARABÉNA A PREFEITURA DE CAÇAPAVA E OS RESPONSÁVEIS POR ESTE PROCESSO!





Linha de Montagem do Chevette em 1974.
Vídeo comemorativo referente ao aniversário da cidade de São José dos Campos, em 1974. Mostra a linha de montagem do Chevette tubarão.





VW Split window
collection of splits





autos abandonados
autos de desague, abandonados, siniestradas.





carros escondidos
alguns carros encontrados numa fazenda em portugal





Caminhao Parado 15 anos em pedreira com motor jeep willis 6 cilindros Parte 2
Caminhao antigo pedreira





Carros velhos abandonados numa praça em Silvânia Goiás em 17 Julho 2010...
Curiosidades Carros velhos abandonados e expostos numa praça com muito verdes em Silvânia Goiás em 17 de Julho de 2010... ...





Indústria Automobilística
A antiga montadora brasileira DKV-Vemag é o grande destaque. Toda a linha de produtos da marca é mostrada fase a fase. Da produção das ferramentas, pneus e motores até a linha de montagem. Ou como era o treinamento da rede autorizada. A aprovação final nos testes de laboratório, campo ou numa corrida em Brasília.





Which car is faster? Which Car is Faster?




Similar 1/4 mile timeslips to browse:

1970 Chrysler Valiant Pacer: 9.824 @ 136.030
Simon, Engine: 440, Tires: Goodyear slicks


1989 Ducati Sport Touring paso906: 11.910 @ 117.000
phil steele,


1971 Chrysler Valiant Charger 770: 11.990 @ 114.670
Mal, Engine: Gen 3 6.1 SRT HEMI, Tires: MT ET SR 255/60/15


1972 Chrysler Valiant Pacer: 12.026 @ 115.662
johnny, Engine: 340 mopar, Tires: hoosier


1966 Chrysler Valiant vc/australian: 12.705 @ 107.010
steve, Engine: 318, Tires: 24/8.5


2010 Maserati GranTurismo S: 12.910 @ 110.510
NA, Engine: V8, 433HP,


2012 Maserati GranTurismo Convertible: 13.500 @ 107.000
et, Engine: DOHC 32-valve V-8,


2007 Maserati GranTurismo : 13.520 @ 104.210
NA, Engine: 4.2-liter V8, Tires: 245/35R20 and 285/35R20


2008 Lexus GS460 : 13.910 @ 103.110
NA,


2008 Lexus GS460 : 14.010 @ 102.030
NA, Engine: V8, Tires: Dunlop SP Sport 5000m DSST


2002 Renault Megane Alize 1.6 16V: 14.842 @ 108.120
Ricardo Rocha, Engine: 1.6 16V, Tires: 195/50 Michelin Pilot Exaulto


1997 Renault Megane 2.0 16V Coupe: 15.800 @ 89.300
Peter Turner, Engine: 2.0 16V F7R-710,


2000 Renault Megane Coupe 1.6 16v: 17.025 @ 79.540
Jimmy B,


 


©2014 DragTimes - Disclaimer